terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Jogos Cancelados: TimeSplitters 4


Já ocorreu o fato de um jogo, de uma de suas franquias preferidas, ser cancelado? Pois é, isso já me aconteceu várias vezes. Mas acredito, que nada me deixou tão furioso quanto o cancelamento de TimeSplitters 4, que seria produzido pela Free Radical e distribuído pela Ubisoft, e lançado ao PlayStation 3, Xbox 360 e Nintendo Wii.


A história de TimeSplitters 4 é algo controverso. Tudo começou em 2007, quando a Official UK PlayStation Magazine revelou que a Free Radical estava produzindo um quarto jogo da franquia TimeSplitters. Dizem as lendas, que inicialmente o jogo seria exclusivo de Xbox 360, e que a Microsoft teria firmado uma parceria com a empresa. Esse fato até pode ser verdade, considerando que o site da Free Radical ficava soltando imagens relativas aos jogos da empresa de Bill Gates, como Halo e Gears of War:


Porém, tudo isso foi para os ares quando a Free Radical anunciou versões para o PS3 e Wii também. Diferente de outras empresas, a Free Radical queria aproveitar a jogabilidade do Wii e fazer um FPS fluído e com boa jogabilidade, afinal os gráficos eram os de menos para a versão desse console. Levando em conta que a Nintendo sempre apoiou os funcionários da Rare, ela obviamente tinha aceitado o título em seu console.

Em 2008, após o lançamento de Haze, a empresa confirmou que a quarta parcela da franquia utilizaria o mesmo motor gráfico de Haze. E em tempo em tempo, a Free Radical começou a soltar várias imagens baseadas no que estava se tornando o projeto. Como muitas dessas imagens se perderam na Internet, só achei algumas relativas, mas creio que já são o suficiente, confiram:








Existem outras imagens, mas como disse, muitas se perderam por ai na Internet. Com essas Art Works, dá para se perceber vários personagens que estariam no jogo. Essas duas raças novas de TimeSplitters, Sucka-Splitter e Goop-Splitter, pareciam ser interessantes. Aliás, outra coisa que sempre foi um mistério sobre TimeSplitters 4 foi sua história: Qual seria exatamente? Ninguém sabe pelas poucas informações deste título. Levando em conta que no último jogo aconteceu alguns fatos curiosos (Não vou fazer Spoiler, jogue por si mesmo se quer saber), é difícil imaginar uma sequência a partir daquilo.

Com um vídeo bem antigo do Youtube, TimeSplitters 4 só teve um Teaser em sua vida de produção:


Nele é nos apresentado o personagem Sir Chimpalot, que foi no final das contas, o único personagem, realmente confirmado no jogo. O fato mais estranho, é que NADA cita Sgt. Cortez (Protagonista da série) em TimeSplitters 4, o que me leva a acreditar que seria um novo capítulo da história, com novos protagonistas e outra motivação pela viagem temporal.

Foi então, que infelizmente, a empresa foi a falência em 2009. O fato foi que o produto que eles queriam produzir estava mais caro do que esperavam, e no final das contas não conseguiram terminar TimeSplitters 4. Porém, a Crytek comprou a empresa e a nomeou de Crytek UK, e deu a proposta dos funcionários trabalharem em seus jogos. Graeme Norgate ainda compôs algumas músicas da série Crysis, mas infelizmente, o grande David Doak saiu do mercado dos Games.

Os fãs sempre cobram a Crytek para o quarto título da franquia, mas a empresa se diz impossível de fazer, pois tem medo de desapontar os fãs, ainda mais sem Doak no projeto. Porém, ainda há a esperança. A empresa permitiu fãs de produzirem um Fan-Game para PC e PS4, intitulado TimeSplitters Rewind, que promete trazer tudo de bom que a franquia tem em um só jogo, que será lançado nesse ano.

Não se sabe exatamente se TimeSplitters 4 foi realmente cancelado ou não, mas sabemos que, se o jogo for lançado para essa ou nas próximas gerações, ele estará bem diferente do que vimos em meados de 2007 e 2008.

Gostou da postagem? Comente e dê sugestões para outras relacionadas a Jogos Cancelados. Você gostaria que TimeSplitters 4 fosse lançado? Pode comentar, eu com certeza vou ler. Essa postagem termina por aqui caros leitores, até a próxima postagem! =D

14 comentários:

  1. Respostas
    1. pois é cara, eu tava loucão pra comprar um wii por causa dele. ia ser muito massa, pena que cancelaram. mas quem sabe essa crytek faz um quarto jogo se esse rewind vender bem né?

      Excluir
  2. funcionários da rare? como assim cara?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Free Radical é uma empresa composta for vários funcionários da Rare. Graeme Norgate compôs as músicas de Banjo Kazooie, Killer Instinct, GoldenEye 007, Perfect Dark e etc.

      David Doak trabalhou em vários jogos da Rare, como Donkey Kong Country 3 e os outros que citei na parte do Graeme Norgate. Não só esses, mas existem outros funcionários da empresa que foram pra Free Radical.

      Resumindo: Vários funcionários da Rare trabalharam na Free Radical, como consequentemente, na série TimeSplitters.

      Excluir
    2. atá, agora entendi. faz sentido então o jogo ser tão bom kkkk, jogava direto no meu ps2. faz mais postagens de timesplitters cara, esse blog é um dos poucos que toca no assunto :)

      Excluir
    3. Vou fazer mais postagens sim, pode deixar! Tenho vários assuntos interessantes sobre essa franquia, como alguns Fan-Games de PC, outro jogo cancelado e alguns Mods baseados nos Games.

      Excluir
    4. pô ai sim, vou chamar minha galera pra acompanhar esse blog, agente jogava bastante na época de escola kkkkk, era muito massa. fala sobre aquele negócio online que tinha no ps2 e xbox, já joguei uma vez naquilo, é bem daora :)

      Excluir
  3. Ótima postagem.

    Acredito que o jogo devia estar interessante.
    Mas será que estava ficando bom mesmo,será?
    É isso que eu fico pensando,se seria melhor lançar.Porque se saísse algo parecido com Haze,poderia ser uma bomba,e acabar desapontando os fãs.

    Um outro projeto seu também não estava com uma boa aparência,sim,eu tô falando do Star Wars Battlefront III,que estava a 1% de ser finalizado,mas fora cancelado pelo mesmo motivo deste Timesplitters 4.

    O jogo não tava bom,os personagens eram rápidos demais,e a mecânica era idêntica aos outros Battlefronts ; o que obviamente não é uma coisa boa,já que se trata de um jogo que seria lançado para a nova geração de consoles.

    Ao meu ver,se este jogo fosse lançado,a sensação de decepção seria muito maior,já que eu não creio que o projeto ia dar bons frutos.
    Digo,tanto o Timesplitters 4 quanto o Star Wars Battlefront III.

    Este trailer aí foi claramente baseado em Star Wars Revenge of the Sith,e me lembra,que infelizmente,tem uma cena horrorosa,que é quando o Darth Vader solta um grito clichê:"NOOOOOOOO!"

    E lembrando disso,eu também lembro da nova trilogia,que é uma decepção total,e tem coisas ridículas,como cenários totalmente digitalizados,e aquela desgraça chamada Jar Jar Binks.

    Daí eu penso : será que deveriam ter lançado estes filmes?
    A decepção seria grande,mas não seria maior do que foi,se eles não tivessem lançado estas sequências.
    E eu digo o mesmo sobre este Time Splitters 4.
    Na espera de que o Rewind pelo menos mantenha a qualidade da série.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que o jogo não ficaria ruim. A série TimeSplitters é o símbolo da própria Free Radical, do Haze eles disseram que só usariam o motor gráfico mesmo. Levando em conta que era a franquia carro-chefe da empresa, obviamente eles estavam dando o seu melhor para produzir o jogo.

      Esse Star Wars Battlefront III nem botei fé na época, pois se não me engano, era a mesma equipe de Haze que estava o produzindo. Como o jogo já citado é uma merda, não duvido que esse Star Wars também ficaria.

      Eu penso que a série TimeSplitters deveria ter mais sequências. Mesmo com os acontecimentos finais do terceiro jogo, é visto que existe um Paradoxo Temporal, onde o protagonista encontra sua forma do futuro ou passado. O vilão poderia muito bem voltar ao passado e impedir sua morte, recriando seu exército de TimeSplitters e unindo se a outras raças alienígenas.

      É meio óbvio que, a Free Radical pretendia fazer de TimeSplitters uma Saga, ao invés de uma Trilogia, como ficou no final. TimeSplitters: Future Perfect foi um jogo que perdeu elementos de qualidade da série, mas ainda sim é ótimo. Talvez TimeSplitters 4 iria se afastar dos dois primeiros jogos, como aconteceu com o terceiro, mas certamente que teria elementos destes, como personagens, fases e etc.

      Eu espero que a Crytek tome vergonha na cara e lance um novo jogo. Caramba, eles possuem uma das melhores franquias de FPS que já tive o prazer de conhecer, Crysis já deu o que tinha que dar. Como o Anônimo disse, é bem provável que com o sucesso de Rewind, um novo capítulo surgirá.

      E muito obrigado por ler a postagem, essa foi uma de minhas recentes (Junto a do Super Mario Sunshine) que me renderam mais comentários, graças a opção anônimo que parece estar trazendo mais leitores ao blog.

      Excluir
    2. Tipo assim,eu não achava que o jogo ficaria ruim por causa que usaria a engine do Haze,e sim porque seus projetos naquela época não estavam dando muito certo.

      E creio que nem precisa de uma explicação da história para a série Time Splitters voltar ; basta uma jogabilidade que seja muito avançada e que tenha algo que faça o ser diferente dos outros FPS,gênero que hoje está saturado devido aos inúmeros jogos lançados,e que são genéricos,na sua maior parte.

      Olha,a Crytek tinha que lançar um novo Time Splitters,mas vendo que seus jogos nunca se destacaram (só graficamente),acho melhor não lançar.
      Seu último lançamento foi muito decepcionante,e assim como seus dois últimos jogos da série Crysis,somente a parte gráfica obteve destaque.

      Acredito que se bobear,os fãs tem mais talento do que ela para produzir um bom jogo,já que ao contrário da Crytek,primeiramente,eles pensam nos aspectos mais importantes primeiro,como a jogabilidade,física,IA,etc.

      Mas voltando a falar diretamente do jogo cancelado,tudo isso que nós pensamos fica resumido a "acho",já que não temos nenhum gameplay para termos alguma prova de que o jogo estava bom/ruim.

      De nada mano,mas nem precisa de agradecer,sempre que puder comentarei,e foi uma ótima ideia sua ter colocado a opção anônimo aqui, realmente trouxe novos leitores para cá! :)

      Excluir
    3. Entendo, acho que o problema foi eles tentarem fazer vários jogos ao mesmo tempo (TimeSplitters 4 e Star Wars Battlefront III), se não fosse isso, a sequência já estava garantida naquela geração.

      Creio que os jogos da série TimeSplitters precisam ter pelo menos um conceito da história. Claro, o foco principal é o Multiplayer, mas eu gostaria seriamente de ver Sgt. Cortez/Captain Ash/Harry Tipper em novas aventuras. O final daquele terceiro jogo ficou estranho.

      Não quero fazer Spoiler, mas no próprio TimeSplitters 2 é visto que a raça tem seu próprio planeta. Matar o criador deles no passado não iria reverter o fato deles se reproduzirem em seu planeta Natal.

      Se não me engano, existiu um vídeo da Gameplay de TimeSplitters 4, que mostrava o Multiplayer. Mas infelizmente, esse vídeo já saiu fora do ar a 6 anos atrás. Já vi em Fóruns as pessoas dizendo que a jogabilidade era a mesma do terceiro jogo, só que levemente mais rápido. Não sei confirmar se isso é verdadeiro, já que presumidamente, o jogo se afastaria mais dos dois primeiros Games.

      Realmente, os comentários Anônimos estão ajudando bastante. Muito obrigado mesmo, é bom saber que sempre posso contar com você nas postagens!

      Excluir
  4. Muito bom post! valeu!
    http://www.perereka.com

    ResponderExcluir
  5. pqp eu quase choro só de saber que timesplitters 4 não vai sair,pra mim é jogo mais esperado de todos,tem missões no passado e no futuro,com uma variedade gigante de personagens e armas,e além disso vc pode criar suas proprias missões colocando os inimigos e armas que quer,alem de escolher entre os + de 10 modos de jogo que existe no timeplitters :( esse jogo tem que sair poha !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É triste, eu sei. Seria ótimo mesmo um quarto título da franquia, mas com o estado atual dela na indústria dos Games, é difícil imaginar o TimeSplitters 4 sendo realmente lançado.

      Bem, pelo menos teremos TimeSplitters Rewind, um Fan-Game para PCs e PS4 que será distribuído pela Crytek (Detentora atual dos direitos da série), cujo objetivo é trazer toda a experiência e conteúdo dos três jogos lançados (O que inclui personagens, fases, modos, armas e etc) em um só game, com recurso online e mais de 15 personagens em uma partida (Sendo que o limite nos jogos era de 14, com 10 CPUs e 4 jogadores).

      Quem sabe se o Fan-Game vingar e gerar bastante lucro (Ou bastante reconhecimento, já que ainda não sabe se o jogo será grátis ou pago), a Crytek não faz o TimeSplitters 4 de vez? É tudo uma questão de possibilidades.

      Excluir